domingo, janeiro 08, 2006

Eu acredito na honestidade e no diálogo.

As relações humanas são complicadas. Às vezes surgem mal-entendidos e ninguém sabe muito bem como. Muitas vezes para se deslindarem é uma carga de trabalhos, amizades saem desfeitas e namoros acabados. O pior é que, em alguns casos, a coisa poderia ter sido resolvida calmamente e a bem.

Por exemplo, eu tenho uma amiga que tinha um namorado. Ás tantas começou a desconfiar que ele a traía mas nunca foi capaz de lhe dizer nada. Guardou a desconfiança para ela, aquilo começou a crescer lá dentro, a remexer-lhe as entranhas, foi aumentando, aumentando, aumentando até que um dia as sobrancelhas lhe cairam. Assim, puf. E agora ela tem que as pintar com um lápis só que não tem muito jeito para desenho e então pinta-as sempre muito rectas só que inclinadas, primeiro perto do princípio do nariz e a acabar mais acima, tão a ver? Então parece que está sempre zangada. Outra parte má é que também não é fácil pintar as sobrancelhas todos os dias. Quando ela apanha chuva fica com um ar um bocado esquisito também.

É por isso que vos digo, em caso de dúvida, perguntem.
Enviar um comentário
Ocorreu um erro neste dispositivo