sexta-feira, abril 20, 2007

Chuva em Lisboa

Quando chove aqui a cidade fica um caos pandemoníaco mas, uma das razões pela qual gosto desta terra de ninguém e de toda a gente é que, quando chove, nunca sou a única maluca sem guarda-chuva nem casaco a saltitar entre e por debaixo de vários toldos e varandas. E depois, aparece sempre alguém que me dá boleia por um bocadinho, enquanto o caminho é o mesmo.

quinta-feira, abril 19, 2007

Há dias e dias e depois há outros dias ainda que não são iguais a estes sem serem lá muito diferentes. E depois ainda há os dias que entram por outros dias adentro e já não sei se hoje é o dia de ontem se foi o dia de amanhã ou se vai ser o de hoje mesmo.

Há dias assim mas nos últimos dias todos os meus dias têm sido um dia diante doutros dias e perdido das diárias que eram as minhas.

É o que dá misturar os dias da gente com os das outras gentes que se nos aparecem à frente.

Gosto, deste dia assim.

sexta-feira, abril 13, 2007

novo trabalho...

wow!!

aqui as guias dos correios fazem-se num programa de pc que manda imprimir o formulário oficial, depois a gente carimba e o papel que sai que é todo xpto e rubrica-se em cima!!! tou no auge!! a lúcia - minha paciente coleguinha! - deixou-me fazê-lo, e carimbar e rubricar e tudo!!!!

WOW!!! Isto é muito cromo!!

quarta-feira, abril 11, 2007

Ocorreu um erro neste dispositivo