quarta-feira, abril 27, 2005

Há coisas que são lixadas.

Uma delas é o Haloscan. Ya e tal, é fixe e isso tudo mas esta treta é tramada de se pôr!! Já consegui ao fim de muito custo, muitas tentativas e um quase ataque de frustaçao. Por momentos achei q tinha perdido o blog porque não conseguia cá entrar com a pass. Foi só susto. Estas aventuras cibernáuticas não me andam a correr lá muito bem não.

Outra das coisas que é lixada é quando um tipo simpático se deixa convencer por uma amiga a cantar os parabéns em palco a uma amiga dessa amiga que ele nunca viu na vida. E depois quando acaba e diz "Ah, e tal, nunca tinha cantado os parabéns num concertos e bla bla bla, muitos parabéns para ti" e ouve como resposta uma voz desafinada a berrar "E o Edgar cheira mal da boca, e o Edgar cheira mal dos pés....". È lixado é. Pena ele não saber que isto era um agradecimento, um elogio, uma prova de carinho e amizade... Acho que, vistas as coisas a frio, ele não deve ter achado lá muita graça... oops.

Outra coisa tramada é um amigo ficar a dormir em nossa casa, vomitar para a retrete mas falha-la. E depois já se sabe, enquanto limpa e não limpa, acorda e não acorda, são nove da manhã e está-se a fazer uso da W.C. do café ali debaixo. È chato é.

Outra coisa tramada é fazer uma festa e tal, o pessoal resolver ir todo para o mesmo sítio, chegar-se lá e metade das pessoas serem expulsas e a outra metade ficar lá dentro. Eu achei desagradável, achei. Mas pronto, o porteiro até simpatizou comigo e a única coisa que tive que fazer foi passar a noite a entrar e a sair, a sair e a entrar, a entrar e a sair... acho que já me fiz perceber.

Agora, lixado lixado lixado seria se estas e outras coisas não tivessem acontecido.
Enviar um comentário
Ocorreu um erro neste dispositivo